Má alimentação podem ser consequência de sono e cansaço

2503

Quando pensamos em alimentação, logo nos vem à mente a palavra “peso”. Nos apegamos tanto a ela, aliás, que acabamos esquecendo que a alimentação influencia em diversos outros fatores e funções do nosso corpo. Por exemplo: você sabia que a má alimentação também pode causar sono e cansaço excessivo?

Pois é. Os sintomas de cansaço e sono estão relacionados ao excesso de atividades do dia a dia. São horários a cumprir. Tarefas a realizar. O ritmo é corrido. E, devido a rotina, muitas vezes deixamos de nos alimentar corretamente, o que agrava esses sintomas.

Tudo porque “existem nutrientes que demoram mais para serem digeridos, induzindo o corpo a um gasto calórico maior. Com isso, é normal sentir cansaço após a ingestão de alimentos com gorduras ou açúcares”, explica a nutricionista Ana Huggler em entrevista ao jornal Zero Hora.

Os doces influenciam no cansaço e no sono porque o açúcar eleva a glicemia muito rapidamente e, de imediato, oferece disposição. No entanto, o efeito é curto e logo é substituído pelo cansaço, já que após a liberação de insulina, os níveis de glicose no sangue ficam menores.

Em contrapartida, alimentos gordurosos, frituras e carne vermelha são mais difíceis de digerir. Isso porque exigem um gasto energético maior do organismo para a sua metabolização.

Portanto, por mais difícil que seja, evite estes incômodos se alimentando bem e de forma balanceada, incluindo frutas, verduras e alimentos integrais em seu cardápio.

 

Deixe uma resposta